Resenha #23: Cores de Outono

               Estou aqui mais uma vez e trago pra vocês uma nova resenha, dessa vez sobre o livro Cores de Outono (que já falamos aqui no blog) da autora Keila Gon. Demorei um pouco pra terminar o livro porque estava em semanas de provas na universidade etc, mas finalmente terminei \o/ E até que gostei, um pouco diferente das minhas ultimas leituras. Enfim, leiam a sinopse do livro abaixo e logo em seguida confiram a resenha!

O inesperado, o impossível, o destino... Quem ama escolhe seus caminhos, vence o medo, ultrapassa a razão, duela com a dúvida entre o certo e o fácil para seguir seu coração. Melissa encontrou em um olhar as revelações de toda uma vida e longe da lógica escolheu o caminho confuso, mas surpreendente do amor. Ela chegou à pequena cidade da montanha com a responsabilidade de cuidar de Alice, sua irmã caçula, esperando uma vida simples. Mas se viu envolvida por Vincent, um estranho arrogante, dono de irresistíveis olhos turquesa que vai levá-la através da sombra e da luz para revelar surpresas inimagináveis de um Mundo Mágico perigoso e fascinante. A cada encontro este homem misterioso amedronta e encanta; desperta sentimentos e a faz duvidar de sua coragem. Mas, antes que Melissa seja arrebatada por esse amor, ela precisa enfrentar elfos, magos e intrigas em um mundo inóspito que testará seu coração. Cores, de outono é o primeiro volume de uma saga mágica que vai instigar emoções e paixões.


Nota:
               Melissa é uma jovem aparentemente normal, desastrosa e descuidada, mas normal. Acabou de perder a mãe e o padrasto e tem que cuidar de sua irmã mais nova sozinha. Ela está decidida a superar tudo que viveu e pra isso acontecer, resolve mudar de cidade e ir morar com seu avô numa cidade do interior. Lá ela reencontra amigos antigos, faz novos amigos e se vê perdidamente apaixonada por um cara nada normal. Vincent mostra para Melissa sua família (ou quase) e seu mundo, um Mundo Mágico, nem tão mágico assim, onde tudo é possível.
               Quando comecei a ler o livro, encontrei uma Melissa diferente, decidida, que sabia o que queria e isso me cativou. Ela é uma moça fofa que gosta de ler, de chocolate e outras coisas, aparentemente não quer se apaixonar pra não perder o foco: cuidar da irmã mais nova. Ao passar do livro e ao conhecer o Vincent, a Melissa se perde, começa a depender dele, a viver praticamente por ele. Ela chega a fazer de tudo por ele e esquece o que realmente importa. Isso me incomodou muito, não gosto de mocinhas que dependem dos mocinhos. Acho que ela precisava ser mais independente, não se importar com o que ele acha dela. Fora que, quando eles começam um relacionamento eu me vi em um círculo vicioso onde tínhamos: brigas, reconciliações e brigas novamente, isso me cansou.
               O livro me lembrou muito Crepúsculo, por motivos de: Moça indefesa + Galã misterioso + Amigo de infância, transformando assim em um triangulo amoroso. Não vou mentir, preferia mil vezes que ele ficasse com o Arthur, seu amigo de infância, ele pelo menos se importava com ela, a amava de um jeito “normal”, mas não ... Ela resolve ir pelo lado difícil e ficar com o ‘galã de filme antigo” como ela mesmo descreve, tudo isso só porque ele tem um mundo misterioso a sua volta. Mas não foi só por isso que eu achei parecido com Crepúsculo, o fato da Melissa ser descuidada, desastrosa, o fato do amor dele ser tão importante pra ela, algumas cenas, muita coisa me remeteu Crepúsculo. Melissa aparentemente não sabia o que estava fazendo, achei ela meio perdida em suas próprias emoções, ela estava amando aquele cara, mas sabia que não seria uma coisa boa pra ela e mesmo assim seguiu em frente e caiu no Mundo Mágico de Vincent.
              Agora falando das partes boas: A narração, em primeira pessoa, é excelente, descreve exatamente o que Melissa está sentindo, mas achei que em alguns momentos uma narração em terceira pessoa fez falta. Outra coisa que gostei foi que a autora não caiu no clichê de a mocinha do livro fazer parte do Mundo Mágico e não saber, aqui não vemos isso, mas não vou falar o que acontece porque é spoiler. Ah, e o fato de Melissa ter aceitado o Mundo Mágico muito tranquilamente, só porque estava apaixonada foi algo que achei “forçado”.
            Depois de muitas brigas entre Melissa e Vincent, onde ele queria a cima de tudo tira-lá do mundo dele e deixa-lá longe do perigo, mesmo que pra isso eles se separassem, temos um final meio “normal”. Antes disso, descobrimos um pouco da história do Vincent e de quebra descobrimos que ele tem um “arqui-inimigo” (que não aparece em momento algum!!1!), mesmo quando algo ameaça Melissa e sua irmã, o vilão não aparece.  Mesmo que pareça, o livro não gira em torno só do casal principal. Em segundo plano temos George, avô da Melissa, algumas amigos dela e a família do Vincent, os Von Berg, que vive numa montanha isolada da cidade. Esses personagens secundários foram bem trabalhados, senti uma evolução deles ao decorrer do livro e George foi o meu favorito, por ser determinado e ter um passado um tanto triste.
          Fadas, elfos, anões e seres das sombras rodeiam o mundo ao qual Melissa tenta se encaixar, tentando assim viver seu romance com seu amante. 

O Outono pode parecer triste, mas se você souber onde procurar ele pode surpreender com cores magníficas. - Página 203.

               O livro é bom, se você gosta de romances com alguns clichês, Cores de Outono é um prato cheio. A narrativa da autora é boa, apesar de ser perder em alguns momentos (principalmente em um dos capítulos finais, quando a história pega um ritmo interessante, tudo se resolve muito rápido). Melissa é cativante, Vincent às vezes beira o insuportável e outras chegamos a ter pena dele. Aparentemente não sou o público alvo da autora... Apesar de tudo eu recomendo o livro, o clima de “outono” é ótimo para se ler em um fim de tarde chuvoso tomando algumas xícaras de chocolate quente ou brigadeiro *lembrando que no final do livro tem uma receita de brigadeiro que irei testar hahaha*

Comente com o Facebook:

3 Comentários

  1. Amanda T. says:

    EU li varias resenhas e acho que sou do time que vai amar o livro. O recebi via parceria essa semana, espero ler logo!

    Beijokas
    escolhasliterarias.blogspot.com.br

  2. Amanda se você gosta de romances clichês, vai gostar de Cores mesmo x) O livro está cheio deles, boa leitura.
    Obrigado por comentar, abraços!

  3. Olá, adorei seu blog e já to seguindo-o,quero lhe convidar a dar uma passadinha lá no meu, desde já agradeço por sua atenção.
    donskedar.blogspot.com.br

Deixe um Comentario.

Parceiros

Parceiros

Divulgue

Escolha uma das imagens e seja nosso parceiro!

Tweets