Faixa a Faixa #1: Red


              Dia de Sábado é dia de Coluna no (in)Utilidade Pública, hoje estreia "Faixa a Faixa". Iremos dar nossa opinião sobre um determinado álbum de um determinado cantor por semana. Pra estreia temos Taylor Swift com "Red".                                                                                                                               
              Todo sábado a partir de hoje, teremos um post na coluna "Faixa a Faixa", será escolhido um álbum (recente ou não) de um cantor e daremos nossa opinião sobre ele.
                Começando com "Red" da Taylor Swift
               De inicio vamos saber quem é essa tal de Taylor Swift. Nascida em 13 (seu numero da sorte) de Dezembro de 1989, é uma cantora de Country-Pop (isso existe? Acho que sim). Começou sua carreira na música em 2006 e de lá pra cá já acumula vários números importantes. Com seus três álbuns lançados ela já é dona de vários 1° lugares nas paradas musicais da Billboard, já possui seis Grammy's (maior prêmio no ramo da musica) e duas turnês mundiais.
               Em 22 de Outubro ela lançou seu 4° álbum de estúdio, intitulado de "Red". Não ouvi seus outros álbuns, mas posso afirmar com toda certeza que esse é o melhor dela. Seguindo com a pegada country de sempre, mas se rendendo ao lado pop da musica se arriscando  em algumas músicas (que acabam sendo as melhores do álbum).
A capa do "Red", linda.
               Músicas como "State of Grace", "Treacherous", "All too Well", "I Almost Do", "Sad Beautiful Tragic" e "Begin Again" são do estilo da Taylor já conhecido , um country meu tristonho com letras um tanto depressivas e sonoridade lenta.
               Já músicas como "Red" (faixa titulo do álbum), "I Knew You Where a Trouble", "22", "We Are Never Ever Getting Back Together" ufa , e "Stay Stay Stay" possuem uma batida mais pop e alegre que as outras e um refrão grudento que não sai da sua cabeça durante o dia todo. Mesmo que falem de sentimentos elas nos mostra uma Taylor mais madura e independente. Em minha opinião são as melhores musicas da Taylor.
               Tenho que da um destaque para as parcerias contidas no álbum. "Everything Has Changed" e "The Last Time" com Ed Sheeran e Gary Lightbody, respectivamente. Temos duas musicas incríveis que acabam somando ao contexto geral empregado no álbum. Letra, melodia, sintonia dos dois cantores, tudo se encaixa tão bem que não percebemos que são duas pessoas cantando.
               Todas as músicas possuem seu charme, independe de qualquer coisa, "Starlight", "The Lucky One" e "Holy Ground" são músicas calma de boa sonoridade e caem muito bem na voz da Taylor e no contexto do álbum. Com letras marcantes, na maioria escrita pela própria Taylor, o álbum nos deixa com uma sensação muito boa , esteja você passando por uma fase difícil na vida amorosa ou não.
                Duas musicas já viraram singles e ganharam clipes para divulgação do álbum, são elas “We Are Never Ever Getting Back Together” e “Begin Again” péssima escolha em minha opinião. Você confere os clipes dando play abaixo:





           Foi anunciado essa semana que o terceiro single do "Red" será a música " I Knew You Were a Trouble."  e será lançado em novembro nas rádios americanas, só nos resta esperar por um belíssimo clipe não é mesmo?
Enquanto você espera que tal se render e colocar o “Red” na sua playlist? Emoções não vão faltar. Depois nos conte o que você achou ;)
            Quer ver seu álbum preferido na nossa coluna ? Então deixe nos comentários o nome do álbum e o cantor (a) e quem sabe próximo sábado ele não estará aqui? 
              Espero que tenham gostado e até o próximo sábado.

Pablo Petterson



Comente com o Facebook:

4 Comentários

  1. Taylor não escreveu a maioria das músicas, ela compôs TODAS!!! o máximo que aconteceu foi ela ter escrito em parceria com alguém, ela só canta músicas de sua autoria, nunca alguém compõe nada que ela não tenha participado, isso é o que ela tem de melhor.

  2. Eu acho que compô e escrever da no mesmo hahahaha Mas é uma característica bem legal dela só cantar o que escreve, ou compõe. Obrigado pela observação ;D

    Volte sempre, obrigado por comentar :)

  3. Anônimo says:

    o que a Larissa quis dizer é que ela compos/escreveu todas as musicas e nao a maioria delas. haha.
    e mto bom o "faixa a faixa". vlw

  4. Ah ta kkkkkkkk agora entendi LOL
    E obrigada pelo elogio :3
    Volte sempre \o

Deixe um Comentario.

Parceiros

Parceiros

Divulgue

Escolha uma das imagens e seja nosso parceiro!

Tweets